Suspeito de estuprar e matar idosa pode ter cometido outros abusos em Águas Lindas

Suspeito de estuprar e matar idosa pode ter cometido outros abusos em Águas Lindas

- em NOTÍCIAS
Foto: Reprodução

O motociclista suspeito de estuprar e matar uma idosa de 61 anos em Águas Lindas de Goiás, na última terça-feria (11), pode ser autor de outros três abusos ocorridos na mesma cidade. Em todos os casos, o criminoso usava uma moto preta, semelhante à usada no dia em que a idosa foi violentada.

“Verificamos que há outras ocorrências de estupro envolvendo uma moto preta. Estamos fazendo essa comparação, pegando as informações para ver se pode ser a mesma moto e, consequentemente, a mesma pessoa. Recentemente ocorreram três situações”, disse ao G1 o delegado responsável pelo caso, Fernando Gama.

A Polícia Civil usa imagens de câmeras de segurança para ajudar nas investigações. Nenhuma testemunha do crime foi localizada e parentes da vítima devem ser ouvidos.

O crime

A idosa Maria José foi estuprada e morta na madrugada de terça. De acordo com imagens de uma câmera de segurança, a mulher andava em uma rua quando o homem chegou de moto e a abordou. Ela seguiu andando, mesmo o homem fazendo-a parar. Na sequência, o homem desce da moto, puxa pelo braço da idosa e a leva para um terreno baldio. O crime teria ocorrido ali.

O corpo da idosa foi encontrado por vizinhos, horas depois do crime. Exames de corpo de delito constataram: Maria José foi abusada e assassinada em seguida, com pancadas na cabeça. A bolsa dela foi levada após o assassinato.

As informações são do Jornal de Brasília

Comentários com o Facebook